quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Repondo as energias em meio a natureza - Magé - RJ

Depois de um ano de intensas atividades em meio a vida agitada que levamos hoje, nada melhor que tirar um tempo para elevar o espírito e realinhar as energias, principalmente se isto puder ser feito em meio a tranquilidade da natureza. Foi pensando nisto que o Centro de Umbanda Caminhos de Aruanda - CUCA realizou a Gira Anual de Mata e Cachoeira, no último dia 29. A cerimônia aconteceu no Parque Ecológico dos Orixás, em Magé, e contou com a presença de aproximadamente 150 médiuns.

Gregório Brandão.
Para Gregório Brandão, dirigente do CUCA, o principal objetivo deste ritual "é a troca de energias com a Natureza através das vibrações dos Guias Espirituais de Umbanda, possibilitando assim o ajuste energético de cada médium". Ainda segundo ele, este trabalho também possibilita que cada participante reponha suas energias e dê seguimento ao novo ciclo que se inicia a cada ano. A julgar pelos resultados, os objetivos foram plenamente alcançados.

Quando se fala sobre ritos, no caso rituais da Umbanda, sempre é bom lembrar que existem várias formas de expressão que dependem da própria comunidade que os praticam, bem como possuem suas próprias regras e modo de trabalhar. Em essência todos baseiam-se na prática de atos que fazem a conexão entre o humano com o sagrado e servem como caminho para o aprimoramento do espirito.

Parque Ecológico dos Orixás


O parque é uma iniciativa da União Umbandista dos Cultos Afro Brasileiros que visa oferecer aos associados um local apropriado para entrega de oferendas e realização de trabalhos em mata e cachoeira.

Parque está localizado em meio a uma grande área verde.

Localizado na antiga estrada que liga a cidade do Rio a Petrópolis, oferece aos praticantes um belo cenário natural e a tranquilidade necessária para a realização dos cultos. O terreno é amplo e decorado com estátuas representando os Orixás espalhadas pelo local. Caminhos bem sinalizados levam aos terreiros demarcados, de modo a facilitar os deslocamentos e organizar as atividades dos diversos Centros que utilizam o parque.

São Sebastião.

A Gira


Após a oração inicial feita por Gregório o toque dos ogãs deu início aos trabalhos. Nesta Gira, que faz parte de um ritual de fechamento de ano, foram levadas oferendas em agradecimento ao Povo da Mata e Cachoeira, dentre eles Oxossi, com seus cablocos e boiadeiros, Oxum e Xangô.

Médiuns do CUCA se preparam para a Gira.

Conforme a batida dos tambores ia embalando o andamento da Gira, as manifestações de entidades iam se sucedendo. Assim, outros Orixás também foram homenageados neste dia, como Iansã e os Erês.

A dança como forma de devoção.

A chegada dos Erês é sempre uma festa!

Este foi apenas mais um rito dentre tantos outros que ainda irão acontecer, como a tradicional Gira de Praia, que ocorre no final do mês de dezembro, quando Iemanjá será o principal Orixá a ser agradecido. Lembremos que nenhum Orixá é esquecido nos trabalhos de encerramento do ano e que todos serão homenageados e ofertados, dentro de um calendário pré-definido pelo CUCA.

Lavagem da Cabeça


No meio da mata há uma bela cachoeira onde jorra a água límpida e fresca que brota nas vertentes do alto da serra. Ali reina uma paz serena, embalada pelo murmurar da corrente que segue vigorosa o leito do rio.

Médius seguem o balaio rumo à cachoeira.

E foi para cá que vieram os médiuns, num cortejo onde o branco das vestes se destacava contra o fundo verde das árvores para participar da Cerimônia da Lavagem da Cabeça. Apesar do nome, este ritual consistia em um banho de imersão, onde o médium mergulhava de corpo inteiro.

Hora de deixar as más energias irem embora.

Ao final do dia o retorno ao Rio se deu em meio a alegria daqueles que, com a alma revigorada, estavam prontos para dar seguimento a sua rotina de vida material e espiritual.

Veja estas e muitas outras fotos no álbum Gira de Mata e Cachoeira (clique aqui) em Abaretiba, nossa página no Facebook.

Fontes:

CENTRO DE UMBANDA CAMINHOS DE ARUANDA - CUCA. [Página oficial]. Disponível em http://www.caminhosdearuanda.com.br/. Acessado em 02 dez. 2014.

UNIÃO UMBANDISTA DOS CULTOS AFRO BRASILEIROS. Parque Ecológico dos Orixás. Disponível em http://www.uucab.com.br/parque/index.php. Acessado em 02 dez. 2014.